Notícias Oncologia e Citogenética

Dia Mundial da Investigação em Cancro

Setembro 24, 2022 12:00 PM

Dia Mundial da Investigação em Cancro

Nos últimos anos, graças ao trabalho dos investigadores, o conhecimento que tínhamos sobre o cancro experimentou uma transformação espetacular. Por esse motivo, hoje, no dia Internacional da Investigação Contra o Cancro, queremos reconhecer o seu trabalho e expressar o nosso constante compromisso para continuar a aportar soluções que, cada dia, nos aproximem mais à forma de acabar com o cancro.

Na Werfen temos muito presente o esforço de todos os investigadores e, hoje em particular, o daqueles que dedicam a sua vida com paixão e talento à investigação do cancro.

Graças aos esforços da comunidade investigadora, sabemos agora que entre 30 a 50% dos cancros podem prevenir-se evitando os factores de risco e aplicando as estratégias de rastreio e prevenção. Durante os últimos anos, os avanços científicos permitiram também conhecer que biomarcadores devemos analisar tanto para a deteção precoce do cancro como para decidir que terapia específica vai beneficiar mais o paciente segundo o seu perfil genómico, a chamada Medicina Personalizada. Da mesma forma, a investigação do cancro favoreceu o desenvolvimento de novas imunoterapias, dirigidas contra moléculas específicas das células tumorais.  Todos estes avanços contribuíram não só para a deteção de um maior número de casos, como também a uma localização mais precoce e eficaz e para aumentar a sobrevivência dos pacientes.

A análise translacional de DNA, RNA, Proteínas, Microbiota ou a Metabolómica, entre outras ómicas, permitem-nos ver um panorama mais completo da doença. O conhecimento actual desenvolveu-se junto com as novas ferramentas de investigação, tais como a sequenciação massiva ou os anticorpos monoclonais, que são cruciais para levar a cabo a investigação que, no futuro, dará lugar a novas técnicas de diagnóstico e de tratamento. Assim, os anticorpos monoclonais para estudar a sinalização celular são os precursores das novas imunoterapias; o estudo de biomarcadores mediante PCR ou mediante sequenciação massiva permite-nos dirigir a terapia e monitorizar a evolução do paciente; e a modificação genética das próprias células do paciente permite-nos desenvolver terapias celulares dirigidas contra o tumor.

Tudo isto se traduz numa melhor evolução do paciente, numa melhor sobrevivência e, definitivamente, numa melhor qualidade de vida.

É certo que ainda há um caminho longo para percorrer, mas na Werfen continuaremos a investir no desenvolvimento de soluções inovadoras que permitam ajudar a pôr um fim na epidemia mundial do cancro. Estamos convencidos de que tudo o que semeemos no presente colheremos num futuro próximo sob a forma de diagnóstico de precisão acessível a todos os pacientes e de novas terapias. Só com a investigação poderemos atingir o objectivo que nos une: vencer o cancro.

Share Press Release:

LinkedIn twitter facebook
Contacte-nos
Contacte-nos diretamente preenchendo o seguinte formulário.

T. 214247300

POLÍTICA DE PROTEÇÃO DE DADOS:

A Werfen Portugal, Lda. realizará o tratamento dos seus dados pessoais para responder aos seus pedidos de informação ou apoio ou para compreender as suas necessidades e lhe fornecer um melhor serviço, desde que tenhamos um legítimo interesse para o fazer. Encontra mais informações sobre as nossas práticas de privacidade dos dados e sobre como exercer os seus direitos na nossa Política de Privacidade. Pode também contactar-nos pelo DPO-pt@werfen.com.